CLICK HERE FOR THOUSANDS OF FREE BLOGGER TEMPLATES »

sexta-feira, 27 de junho de 2008

entrevista

Entrevista
(Dada ao aluno Renato Brito Dantas do 3°ano do Sesc Educação, no dia 14/05/08)

1-Onde a srª nasceu e foi criada?
Nasci em Santa Luzia
Lugar igual nunca vi
Nessa terra abençoada
Por 23 anos vivi
Relembrando a juventude
Muitas saudades senti.

2- Qual é hoje a sua idade?
Minha idade eu lhe conto
51 anos de vida
20 foram pra estudar
E 31 anos na lida
O que me deixa contente
É que me tornei querida.

3- Quanto tempo faz que escreve cordel?
Não faz muito tempo, não
Por acaso eu comecei
Foi na minha despedida
Quando um poema formei
Ia deixar a minha escola
Nesse dia me aposentei.

4- Qual o seu melhor cordel?
Pra mim o melhor cordel
Digo sem pestanejar
“A saga da professora
Professora Nelcimá”
Nele conto a minha história
Algo que faz me orgulhar.

5- Qual a inspiração para escrever cordel?
Eu vou falar a verdade
Pra você meu caro irmão
Quando eu vou fazer cordel
Nem sempre vem inspiração
Vou pesquisando uma coisa
Palavras não faltam, não.

6- Por que a Literatura de cordel?
No mundo de professora
Escolhido com paixão
Leitura pra trabalhar
Cordel não dispensei, não
Motivo, ô minha gente!
Amor e satisfação.

7- O que a srª mais gosta na Literatura de cordel?
A leitura do cordel
Faz todo mundo gostar
E dependendo do tema
Você vai se aprofundar
Por isso estão exigindo
Até no vestibular.

8- O que dá prazer em escrever cordel?

Transformar algo em cordel
Sempre vai me dar prazer
Por ser coisa popular
No preço você já vê
Só nos resta incentivar
Pra o mais importante: ler.

9- Quantos cordéis já escreveu?
Alguns eu já escrevi
14 eu vou lhe contar
Mas por causa dum projeto
Eu não posso apresentar
Estão numa seleção
E eu tenho que aguardar.

10- Por que começou a escrever cordel?
Agora eu digo a você
E peço pra me escutar
Essa idéia de escrever
Pra alguma coisa contar
Surgiu da necessidade
De minha memória apurar.



Obrigada, caro aluno
Por você me entrevistar
Espero com minha resposta
Grande lição deixar
Mostrando a grande beleza
Da Cultura Popular.
Com carinho, Nelcimá

3 comentários:

Dalinha Catunda disse...

Nelcimá,
Parabéns pela entrevista respondida em cordel e pelo trabalho realizado em nome da cultura popular.
um abraço,
dalinha Catunda

André Macedo disse...

Simplismente Brilhante!

sandramsm disse...

Emocionante!